Cuidar > Pets

Muito amor: um guia prático sobre adoção de pets

08.08.2016 • Karol
26 comentários

Tá, mas, Karol, por que você decidiu fazer esse post? De verdade? Pois acho que poucas coisas nessa vida se equiparam a sentir esse amor que não precisa de palavras. Quero muito que, de alguma forma, o que vai ser escrito aqui possa tocar alguém que já estava pensando no caso e, quem sabe, inspirar quem ainda não tinha se imaginado com um novo amigo.

Sei que não vivi a adoção (ganhei o Cookie dos meus pais), mas convivo com um monte de gente que adotou e, olha, que coisa mais maravilhosa da vida. Maqui tem três gatinhos adotados, a Pri, minha amiga, adotou a cadela pretinha mais linda que conheço, o mesmo rolou com meu primo Marcelo e seu cachorrinho Brad…

Ps: as imagens da campanha “Somo Todos Vira-Latas”, onde celebridades compartilham o amor por seus bichinhos adotados, estão aqui nesse post pra inspirar vocês!

O que você precisa saber antes de decidir adotar:
• Não é brincadeira! Mesmo! Ser responsável por uma nova vida requer um monte de cuidados importantes como preparar o espaço para receber o animal, cuidar das vacinas, higiene e alimentação, estar sempre alerta para possíveis doenças…Por isso, não adote por impulso! Pense bem, pesquise, se planeje. Afinal, se arrepender de ter um novo serumaninho na sua vida não é uma opção.
• Tanto para filhotes quanto para os mais crescidos, no começo, a adaptação do bichinho pode ser meio trabalhosa. É legal conseguir um histórico sobre o animal para poder saber qual a melhor forma de integrá-lo em sua nova vida!
• Organizações sérias só doam animais castrados, afinal, a castração é o único jeito de controlar a multiplicação dos animais de rua.
• O processo de adoção muda de acordo com o lugar onde você achou seu novo amigo. Alguns levam o bichinho pessoalmente até sua casa para terem certeza de que há mesmo interesse e condições de criá-lo. Outros, por exemplo, pedem algumas informações pessoais, documentos de identificação, comprovante de residência…Em todos os casos, é necessário assinar um termo de responsabilidade afirmando, basicamente, que você está preparado para cuidar de um animalzinho de estimação. Ahhh, também é preciso ser maior de idade (mas vale ir com seu responsável se não for o seu caso).

Onde adotar:
• Há várias feirinhas especializadas que rolam de tempos em tempos espalhadas pelo país (pesquise quando será a próxima na sua cidade!). Esse é um jeito legal já que você consegue ver o bichinho ali, na hora, se apaixonar e levá-lo para casa.

• Há um infinidade de sites, ONGs e grupos que resgatam animais abandonados. Como tudo é, geralmente, bem regional, a dica de pesquisar lugares na sua cidade também vale nesse caso. O Facebook é um ótimo aliado nessa hora!

• Adote um focinho: Se a ideia é ter um cachorrinho, prometo suspiros intermináveis quando as fotos dos bichinhos disponíveis aparecer na sua tela! O sitio em que os animais resgatados ficam é em Cotia e a adoção é possível para todo o estado de São Paulo.

Adote um gatinho: Todo mundo que é de São Paulo e ABC pode adotar um felino na Adote um Gatinho! Eu mesma parei esse post e fiquei mais de (não tô brincando) duas horas olhando o site.

Instituto Luisa Mell: Os eventos de adoção (tanto de cachorros quanto de gatos) acontecem em diversos lugares e são sempre divulgados na página do instituto no Facebook.

Quem aí já adotou? Quem pretende adotar? Me contem tudo aqui nos comentários, vou adorar demais mesmo saber das histórias de  amor de vocês! =)
Beijos, beijos

Karol
Comentários
  1. Ana Luiza  08.08.2016 | 14:29  

    Ai Karol, você perece um anjo kkkkk Esses dias atrás quis muito adotar um cachorro, mas fiquei preocupada com algumas coisas, e agora com esse post me sinto mais preparada e informada sobre a adoção!

  2. Simone benvindo  08.08.2016 | 14:38  

    Meu padrasto adotou dois *.* é uma atitude linda dar um lar para essas lindezas <3 Eles trazem muitas alegrias para nossas vidas e com certeza são melhores amigos <3
    Charme-se

  3. Vanessa Rodrigues  08.08.2016 | 16:28  

    Acho essa atitude muito bacana! Lindo post <3
    http://www.jujubasdosdezoito.com.br/

  4. Junior  08.08.2016 | 17:18  

    Queria tanto um gatinho, mas não posso porque ainda moro com os meus pais. 🙁

  5. Anna Carolina  08.08.2016 | 20:13  

    Meu cachorrinho é adotado, no início foi meio sem querer, achamos ele na rua, não íamos ficar com ele até porque eu já estava prestes a ganhar uma cachorrinha (que no fim acabou morrendo antes de chegar pra gente ??), meus pais viram primeiro, ficaram meio em dúvida e disseram que não ia rolar, mas quando eu vi não teve jeito era como se meu coração tivesse escolhido ele, meu medo de cachorro que durante um tempo me acompanhava de repente desapareceu e até hoje ele é a meu melhor amigo as vezes apronta um pouco (talvez muito) mas é a melhor coisa que já me aconteceu.

  6. Ane  09.08.2016 | 13:26  

    Adotei uma peludinha muito amável e meiga, porém quando trouxe ela para casa sua situação era triste…mas depois de muitos cuidados e amor nem parece a mesma. minha dog Fiona é linda… acabou os traumas as dores as feridas os carrapatos e principalmente os maus tratos.

  7. Érika Silva  09.08.2016 | 16:26  

    Achei o post maravilhoso! É muito importante incentivar a adoção! =)

  8. Mariah  10.08.2016 | 14:30  

    Eu adotei uma Yorkshire Terrier ela é muito fofa e acabou fazendo companhia para o meu outro cachorro (que eu já tinha antes ) e que por conhencidencia também se chama Cookie ????!
    Bjs??????

  9. Camila Neves  10.08.2016 | 14:47  

    Amei o post! Já adotei um vira-latinha e ele era o cachorro mais incrível do universo! 🙂

    Beijo!
    Cami.

    http://www.delamila.com

  10. Taís  10.08.2016 | 15:54  

    Oi Karol, tenho a Lica, ela é o amor em forma de “quatro patas”. Digo assim, porque ela é uma paixão e encanta a todos por onde passa. E aqui aproveito ainda para acrescentar algo sobre adoção, a Liquitcha como chamamos ela, como coloquei ali em cima tem uma patinha com defeito (como ela vivia nas ruas, foi atropelada e suas fraturas colaram de forma errada, segundo o veterinário era indicado ficar como estava do que operar), mas isto não é obstáculo para ela, faz de tudo, adora correr, brincar e posso dizer quando olha nos nossos olhos e dá lambidas que é feliz, assim como somos felizes com ela. Então, deem um olhar quando forem adotar, a estes amorzinhos que foram atropelados e que um defeitinho ou a falta de alguma coisinha neles não tiram o amor que eles nos proporcionam, acreditem vem em dobro. Aqui na minha cidade eles recolhem os animais que são atropelados,cuidam, tratam e depois fazem um dia de adoção destes amores especiais. Adotem é bom demais. Bjs

    • Karol Pinheiro  20.08.2016 | 13:42  

      Com certeza Taís!! E isso vale pros bichinhos mais velhos também, que muita gente não quer adotar. Todos merecem uma casa e muito amor. <3

  11. Paloma  10.08.2016 | 22:38  

    Estou muitíssimo feliz com sua postagem. Tinha até comentado em algum dos seus vídeos sobre fazer um vídeo incentivando a adoção e fico feliz que mesmo sem ver minha postagem, talvez, tenha se motivado para falar a respeito. Existem realmente uma infinidade de ONGs e há também uma página no facebook chamada “Eu amo gatos” que compartilham vários pedidos de ajuda para adoção ou lar temporário por dia (no caso, eu tenho gato e fico mais inteirada nisso, mas creio que deve existir páginas semelhantes para cachorros). Muitos animais precisam de lares, infelizmente não há lar para todos. Se as pessoas que não podem adotar (por várias razões, até por já ter vários animais em casa) pudessem ajudar mais, seja como voluntários em ongs, como lar temporário ou com doações, já seria ótimo.

    Espero que no futuro continue apoiando a adoção assim!

  12. Grazi Peixoto  11.08.2016 | 21:13  

    Linda, amei o novo visual, parabéns que Deus te abençoe muito mais!!! Sucesso!!!!! Estou no cimpeço do canal tb e seus vídeos estão me ajudando mt, mt obrigada ???? Meu canal e o Grazi Peixoto

  13. Grazi Peixoto  11.08.2016 | 21:18  

    Parabéns, amei o novo formato, ficou muito bom mesmo!!!!! Sucesso linda! Estou começando agora meu canal e seus vídeos estão me ajudando muito! Obrigada de coração beijos!

    http://Www.youtube.com/grazipeixoto

  14. Mayara Yoshimi  12.08.2016 | 00:52  

    Muito legal vc incentivar o pessoal a adotar os amorzinhos??????
    Aqui em casa tirando o hamster, tds foram ganhados??
    As cadelinhas q foram minhas primeiras amorzin? deram pra nós por causa q o dono delas ficou com um problema de saúde e não tinha mais condições de ficar com elas??
    Mas cuidamos delas até o dia do adeus????
    Em 2009 ganhamos uma coelhinha e uma gatinha q parece q foi judiada?? e tinha algum tipo de trauma de pessoas??
    A coelhinha é um amorzin?e a gatinha tbm virou um amorzin??(Só q ainda tem medo de pessoas q vem aqui em casa??)
    E em maio onde eu trabalho foram resgatados dois gatinhos recém-nascido de dentro de baixo de um carro????
    Sem dúvidas levei eles pra casa e hoje são meus amorzinhos arteiros????

    Adotar de uma adoção nunca adotei.
    Eu sei q da trabalho ter um amorzinho pra cuidar.
    Mas pode apostar q o amor q vc der a eles, eles vão retribuir o dobro ou triplo ou seila??????
    Só sei q é a melhor coisa do mundo ter um amorzinho na sua casa????????

    https://youtube.com/channel/UChTjZ3L1XfHqQnyOZuebLzQ

  15. Luciana de Andrade  12.08.2016 | 06:25  

    Eu nunca tive um animal comprado.Todos foram doados.E minha gata foi adotada.Faz um mês que sugeri o tema adoção de animais no grupo que participo mas ele só foi aprovado para agosto. Também vou escrever sobre o tema porém de forma mais pessoal,mostrando a minha experiência.
    Amei teu post! Bjs
    http://www.pilateandosonhos.com

  16. Luara Borba  12.08.2016 | 16:26  

    Karooooooooll amei o novo visual do seu canal???? vou sentir saudade da outra, mas essa é maravilhosa e gostei de saber que dá pra mexer no celular muito bem ???? Te adorooooo ieeeei??

  17. Ana Carolina  12.08.2016 | 20:27  

    Oi Karol! Aqui em casa são 4 bichinhos, uma cocker chamada Nina e 3 gatinhos, a Úrsula, o Catatau e o Mingau. Todos foram adotados! 🙂 Um grande beijos! Carol

  18. Marcela Dvantel  13.08.2016 | 10:13  

    Eu tenho dois gatos: a Coca e o Napoleão, os dois são adotados e castrados. O napoleão eu procurei na OXL – também é uma dica banesca de onde achar pets para serem amados- no mesmo dia fui buscar meu novo amigo, tenho ele há um ano. Minha filha mais nova era uma gata de rua que vinha todos os dias comer a ração do Naposcreuso, eai dei comida, amor e uma caminha e ela ficou comigo ?. Os dois são os amores da minha vida.

  19. Adorável Criatura  21.08.2016 | 03:44  

    Essa campanha é linda! <3 <3 <3

  20. Ana Carolina  26.08.2016 | 20:11  

    Karol, eu já até chorei pra minha mãe, quando eu era pequena, para ganhar um pet, não importava a raça eu só queria amar um animal que ainda não conviveu, com carinho, amor etc. Tem um pesquisa que diz se cachorro prefere mais carinho, ou comida adivinha no que deu?? Preferem carinho. Mas infelizmente a hora do meu pet ainda não chegou e eu estou esperando mais 5 anos pra ficar maior de idade.

  21. Danielle  31.08.2016 | 10:35  

    Karol perdi meu cachorrinho no começo do ano e estamos ensaiando a adoção de um próximo amiguinho lá em casa. Eu queria um Pug, mas depois que fiquei sabendo sobre como eles são tratados para se reproduzir e como a raça foi “moldada” por nós humanos, perdi um pouco o encanto e agora penso na adoção mesmo! suas dicas foram ótimas! Esse assunto é muito importante e deve ser tratado sim! Um beijo te adoro!

  22. Lara B Braga  07.09.2016 | 17:47  

    Princesa Bela!

  23. Ana Luiza  07.09.2016 | 18:10  

    Karol como você vai entrar em contato comigo ? Eu que coloquei que era a Bella